saiba como lidar com seu filho pré-adolescente

Oie,
A fase da pré-adolescência, que engloba a faixa dos 10 aos 13 anos, não é um momento fácil. O período é de imensas transformações que mexem tanto com o lado físico como o psicológico, quando há maior interesse pele sexualidade, ainda que o fluxo mental continue mantendo-se no nível do brincar. E quando seu filho chega a esta fase turbulenta, é hora de saber como agir, sem desrespeitar este momento tão importante da vida dele.
Os pais devem compreender que esse é um período de mudanças fundamentais no gosto e nas características comportamentais dos filhos. Ao compreender esta transformação, os pais devem tratá-la como algo natural e, em vez da repressão, apostar na orientação.
saiba como educar um filho na pré-adolescencia
Nessa fase, as regras devem ser estabelecidas, pois é agora, entre a infância e a adolescência, que os filhos devem incorporar os limites. Caso contrário, quando adulto, seu filho terá baixa capacidade de suportar frustrações e não saberá lidar com os desafios da vida.
Tanto as concessões como os limites devem ser estabelecidos de acordo com situações e comportamentos do pré-adolescente que, geralmente, tende a confrontar os pais.
As influências dos amigos começam a aparecer com bastante frequência, o que torna ainda mais importante conhecer a turma do seu filho, tanto para saber com quem ele está andando como para entender suas novas preferências e intenções.
Uma dica importante é incentivar a prática da atividade física, que favorece o desenvolvimento social e corporal, preparando o pré-adolescente para completar sua maturação no final da sua adolescência.
filhos na pré-adolescencia
Vale lembrar que o vínculo de confiança mútua se estabelece quando os pais contam um pouco sobre a própria adolescência e passam também a escutar seus filhos de uma forma menos crítica e autoritária.
É fundamental se mostrar presente, sem parecer intrometido, respeitando o momento de ouvir e o momento de silêncio e de intimidade do filho. Em vez de ajudar, o questionamento constante e inquistionário pode gerar apenas ansiedade, medo e insegurança. Há situações em que tudo o que o pré-adolescente precisa é refletir sozinho.
como deve ser a educação na pré adolescencia
Espero muito que você tenha gostado!
Super beijo,
Compartilhar este post
dicas para adolescentes que querem fazer cirurgia plástica

Oie,

A insatisfação com o corpo pode vir em qualquer idade, mas na adolescência é muito maior. O corpo em transformação incomoda e assusta.

Se a cirugia plástica for o caminho escolhido para aumentar a autoestima e eliminar a frustração, é preciso observar alguns pontos.

– Toda cirurgia é permanente. No caso de uma prótese, o tamanho poderá ser alterado futuramente, mas o corpo nunca mais voltará a ser o que era;

dicas de silicone

– Riscos existe, como em toda cirugia. Por isso, é interessante que haja uma conversa franca e amigável entre pais e filhos antes de qualquer procedimento;

– É muito importante escolher bem os profissionais e as clínicas antes de se submeter às cirurgias plásticas. É sempre bom fazer uma pesquisa na Sociedade Brasileira de Cirugia Plástica;

dicas de cirugia plástica

– Pergunte ao médico tudo o que tiver vontade, expondo as expectativas e tomando ciência dos possíveis resultados. O cirurgião deve esclarecer todas as dúvidas;

– Meninas que queiram aumentar ou diminuir a mama precisam esperar quatro anos depois da primeira menstruação, chamada de menarca;

– As recomendações do pós-operatório dadas pelo médico precisam ser seguidas à risca.

– Se mesmo assim, o resultado não agradar em um primeiro momento, é recomendável esperar o tempo de recuperação. As cirurgias plásticas tendem a ficarem melhores com o tempo. O inchaço e os arroxeados tendem a diminuir a cada dia.

Compartilhe este post com alguém que está passando por isso. Espero muito que essas dicas possam ajudar!

Super beijo,

Compartilhar este post